top of page
  • Foto do escritorCláudia Rolim

Dia Internacional da Mulher traz o espetáculo SETE para as plataformas digitais

Atualizado: 11 de out. de 2022


Conquistas femininas, violência contra a mulher e racismo são os temas que permeiam o espetáculo SETE e serão abordados pela dramaturga Dione Carlos, pela atriz e ativista, Geisa Costa e o diretor musical Harry Crowl ao longo do dia 8 de março. A mediação será feita pelo Thadeu Peronne que é o diretor do espetáculo.

"SETE" já está disponível gratuitamente nas plataformas digitais da Fundação Cultural de Curitiba e da Thadeu Peronne Produções, por meio de aprovação no Licenciamento Digital com recursos da Lei Aldir Blanc. O espetáculo traça um paralelo com a violência contra mulheres no Brasil e no mundo.

SETE é uma. SETE são várias. É o grito da mulher que renasce.

No palco, os atores Ana Paula Taques, Erica Colognezi, Geisa Costa, Gideão Ferreira e Leonardo Goulart interpretam a história da heroína trágica, da mulher sequestrada, violentada que estabelece uma relação com o médico responsável por não deixar que as pessoas morram em tortura.


Atriz : Ana Paula Taques / Foto: Davis D Visant


A peça é uma denúncia poética que traz para o palco a energia da mulher, um jogo de vozes e harmonias musicais, uma fricção de cores, de sentimentos”, define o diretor Thadeu Peronne.

O texto dramatúrgico foi inspirado na história real da advogada líbia Eman al-Obeidi que invade um hotel e denuncia ter sido estuprada por quinze soldados, durante dois dias seguidos.

Além de assistir ao espetáculo digital, não esqueça, então, das lives no Dia Internacional da Mulher, no Instagram da Thadeu Peronne Produções.

SERVIÇO:

PARA ASSISTIR:

  • LIVES DO DIA INTERNACIONAL DE MULHER

  • ESPETÁCULO SETE, DISPONÍVEL ATÉ 15 DE MARÇO:

Instagram: @thadeu_peronne




Comments


bottom of page